Skip to main content

Dicas para um melhor rendimento do treino

Abaixo algumas regras básicas, que todo educador físico tem na ponta da língua, mas os alunos teimam em não prestar atenção:

Aqueça! O risco de lesões é menor e isso torna mais difícil o acontecimento de alguma contusão que irá atrapalhar seu treino.

Treino pesado! Não para se exibir na academia e sim para crescer. Treinar pesado significa executar o movimento com concentração total, sem precisar usar o resto do corpo ou encorporar o Tarzan e gritar na academia.

Exercícios básicos devem sempre fazer parte de seu treninamento. Lembra que conversamos sobre flexão? Então, além dela, remada, agachamento e desenvolvimento militar (seja barra fixa, livre ou alteres) devem sempre estar no seu treino.

– E por falar em rotina de treino, quando seu educador físico disse que seu treino será trocado, não encha o saco. O corpo cria resistência aos exercícios com o passar do treino e a troca da rotina é importante para manter ele crescendo.

Prefira pesos livres, mas tenha sempre um bom professor acompanhando as primeiras execuções. Pesos livres trabalham musculaturas auxiliares, mas exigem mais concentração, por isso o acompanhamento (principalmente para iniciantes).

Menos repetição, mais músculo. Repetições sempre entre 8 e 12, 3 a 4 séries. Mantendo o peso sempre além da zona de conforto e com total concentração na amplitude do exercício.

E trate a dieta a sério. Aliemente-se de 5 a 6 vezes no dia.

Disciplina (dispensa maiores explicações).

Leandro

Leandro, designer de eventos. Escreve sobre todas as novidades e tendências que interessam. Tecnologia, novos gadgets, moda, cuidados para o corpo, carros e filmes. Tudo que envolva o universo masculino e seu comportamento. Fale com o autor deste post pelo Twitter: @adamascado ou no Facebook.

6 comentários em “Dicas para um melhor rendimento do treino

  1. "- E trate a dieta a sério. Aliemente-se de 5 a 6 vezes no dia."

    acho q uma das dicas mais dificeis, pq estudando pela manha, trabalhando à tarde, o tempo passa rapido, e eu acabo ficando de estomago vazio o dia inteiro…

  2. Perfeito, Lex.
    Esses são mantras que não tiro da cabeça e sempre me motivam (além da olhada no espelho e ter aquele sorriso interno de satisfação rsrsrs)
  3. Realmente as dicas sãos importantes, e como o Lucas_PE comentou, a dieta é a mais complicada de seguir por questão de tempo. Minha dieta era composta 8 refeições diárias. No início foi ótimo, e realmente seguia e vi efeito, mas, ai chegaram as férias, viajei para outro país com uma cultura diferente da nossa no quesito alimentação, resultado? pedi o que ganhei…rs
    e quando voltei não continuei utilizando a dieta. Agora com meus compromissos alterados preciso de uma nova dieta que possa se adequar a minha situação e me trazer benefícios.
    Outra questão também é o cu$to pra manter uma boa dieta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*